Tibau 19 anos - Programação


Os 19 anos de emancipação política do município de Tibau serão devidamente comemorados com uma programação festiva até o dia 22 de dezembro. A movimentação teve início já no dia 19 de novembro com a abertura do 1º Open de Vôlei de Praia, que segue acontecendo com as partidas aos domingos.

No domingo, 14 de dezembro, uma das grandes atrações será a 1ª Regata da Liberdade, onde 40 velejadores participarão da competição. “Essa proposta de 40 velejadores, é reunir de outros municípios também, como Grossos, Icapuí e Areia Branca”, ressalta o secretário de Turismo, Milton Guedes, um dos organizadores do evento.

Segundo o secretário, o município convidou José Cláudio, que coordena eventos na cidade de Icapuí, já tendo experiência e realizado doze regatas, haja vista Icapuí ser a maior comunidade pesqueira do país com mais de 500 barcos de pesca. “Várias reuniões foram realizadas com os competidores, onde se debateu todos os critérios e regulamentos”, diz Milton Guedes.

Os parceiros da 1ª Regata da Liberdade, cada um, terá a logomarca estampada nas velas. “Uma vela para cada parceiro, que será desenhada nos tecidos por um artista da nossa cidade”, observa Milton Guedes.

Alguns velejadores ainda estão sem o patrocínio, o qual o secretário disponibiliza seus contatos para quem desejar participar como parceiro do evento, deve entrar em contato através do celular (84) 9104–6453 ou (84) 8128–0973.

No dia do evento, o trio elétrico do Café Santa Clara, que é um dos parceiro, estará a beira com uma banda para animar o evento e participadores, seja competidores, parceiros e quem for prestigiar.

No segunda-feira, 22, haverá corrida de jegue, no Estádio Rogerão. A noite, “Maratona da Liberdade”, na Avenida Tereza Patrício. E ainda o lançamento dos CD´s dos “Talentos de Tibau”, sendo um na modalidade Gospel e o outro diversificado.

Ainda dia 22, lançamento do livro “Tibau, a cidade que ajudei a emancipar”, de autoria de Milton Guedes, sendo seu sexto livro, e o terceiro sobre a cidade de Tibau, com destaque para o primeiro que até hoje é utilizado pelos professores da rede municipal de ensino, da disciplina de Geografia, como fonte de informação.